domingo, 14 de março de 2010

Mustang na Estrada: Beeritacoá

Já dizia Raul Seixas que o diabo é o pai do rock. Só pra sacanear a concorrência São Pedro resolveu mandar um pé d'água minutos antes do show de ontem do Mustang mais barulhento de Niterói no Beeritacoá, em Itacoatiara, mas não adiantou nada.

A banda e a galera se espremeram embaixo da varanda e a sonzera rolou até quase 3 da matina.


Os contratempos da banda haviam começado antes, com o desfalque do tecladista Ricardo Mann, debilitado com uma dengue fora de hora. Por outro lado, contamos com a participação especial do saxofonista Fernando Limoeiro, membro da Mustang Next Generation.

Mais uma vez os destaques da noite foram as versões para Aqualung, Sultans of Swing e as autorais da banda, como Com Gim, Cerveja e a inédita Para Não Parar. Outra novidade foi a versão mustanguística para Eleanor Rigby, que foi bem recebida pelo público.

Se você perdeu, não de aflija caro leitor: próxima sexta, 19 de março, a Mustang'65 volta ao São Dom Dom, a menor casa de shows do mundo, em São Domingos Niterói. Até lá!

4 comentários:

Vanessa Tyler disse...

Mustang Next Generation?

Caio Mattos disse...

É a formação da Mustang com filhos e afins. Bernardo (filho do Luiz), Milena (filha do Ayrton) e agora o Fernando, genro do Luiz.

Didi disse...

ja ia perguntar a mesma coisa...

hora de um postcast, com participações?!!

Didi disse...

podcast... saiu uma mistureba nada a ver...rsrs